Colar de Âmbar para Bebês e Crianças

Colar de âmbar natural para bebês e crianças

O nascimento dos dentes de leite é geralmente um processo doloroso, muitas vezes o sono das crianças fica agitado e irritadiço. As gengivas ficam sensíveis, avermelhadas, e podem até inchar. Os pequenos choram muito e querem colo o tempo todo. Muitas crianças têm febre e assaduras. Esse pode ser um período de intenso desconforte e estresse para os bebes e seus pais. Nosso colar de âmbar pode ajudar. O âmbar é um remédio caseiro conhecido desde tempos remotos por ajudar e facilitar a dentição infantil.

Na Europa o âmbar é utilizado há séculos para aliviar a dor e incômodos da dentição, sua eficácia é comprovada através de estudos científicos e pelas tantas gerações de crianças que se beneficiaram dele. É uma alternativa natural para evitarmos o uso excessivo de remédios farmacêuticos e seus efeitos colaterais. Além de muito bonito de se olhar, o âmbar é um produto natural que surgiu a partir da resina de pinho, cedro ou árvores semelhantes ao longo de 40 a 70 milhões de anos. As águas do mar báltico fossilizaram a resina, transformando-a no âmbar que conhecemos hoje.

Quais as propriedades do colar de âmbar e como ele funciona

O colar deve ser usado em contato direto com a pele, sob a roupa. As pedrinhas são leves, arredondadas, mornas e liberam quantidades minúsculas de acido succinico que são absorvidas pela pele e adentram os tecidos, auxiliando o sistema imunológico e circulação sanguínea. Ao acido succinico são atribuídas muitas propriedades benéficas, como acelerar a cicatrização de feridas, ajudar a inflamação de garganta e infecções do estomago ou ouvidos e alívio de dores musculares. A medicina oriental utiliza o óleo de âmbar para massagem, principalmente por causa das propriedades bactericidas e eletrostáticas.

O uso é indicado a partir dos 3 ou 4 meses até os 3 anos. O colar pode servir perfeitamente até numa criança de 7 anos.

Nosso colar de âmbar

Nossos colares são de âmbar puro, retirado do mar báltico. Contém apenas o precioso óleo essencial e seiva das árvores. O nosso âmbar não é sintetizado ou prensado. Cada pedra é atada individualmente, assim, se uma pedra eventualmente se soltar o restante estará preso. As pedras são pequenas, arredondadas e atóxicas, não representam perigo se uma for acidentalmente ingerida pelo bebe.
Os colares são originários da Lituânia e seguem as normas européias de segurança para bebês. Eles são propositalmente curtos, cerca de 32 cm, o fecho é seguro, de rosquear, o bebe não consegue abri-lo sozinho, e está camuflado sob contas de âmbar.